Postagens

ESCOLA ESTADUAL ROMALINO ALVES DE ALBRES PROFESSORA: IARA PEREIRA DE CARVALHO ALUNO(A)_______________________________ 4º A AVALIAÇÃO BIMESTRAL DE LÍNGUA PORTUGUESA Como nasceu o Rio Amazonas A Lua apaixonou-se pelo Sol. E, apaixonada como estava, queria se casar com ele. Mas, se o casamento acontecesse, o Sol aqueceria tanto, tanto, que queimaria todas as coisas existentes, o mundo seria destruído e as lágrimas da Lua inundariam a Terra. Assim, eles não puderam se casar, e cada um foi para um lado. A Lua, muito triste, chorou um dia inteiro, e suas lágrimas correram pela terra, buscando o mar. Só que o mar não recebeu as lágrimas da Lua, e elas tiveram de voltar. Mas não conseguiram voltar para as montanhas donde tinham descido. Então elas desceram mais uma vez e foram se unindo numa imensa correnteza d’água, formando assim o caudaloso Rio Amazonas, todo enfeitado de vitórias-régias. PIAI, A. & Paccini, M. J. Viajando pelo folclore de Norte a Sul. São Paulo: Cortez, 2004. 1) O título do texto – Como nasceu o Rio Amazonas – revela ao leitor que se trata de um texto que aborda: (A) o amor entre a Lua e o Sol. (B) a destruição do mundo pelo calor do Sol. (C) as lágrimas e o choro da Lua. (D) o surgimento do Rio Amazonas. 2)- No trecho: “Mas não conseguiram voltar para as montanhas donde tinham descido”, a expressão em destaque significa: (A) do lugar de que tinham saído. (B) da forma que decidiram correr. (C) da tristeza que caracteriza a Lua. (D) do tempo em que queriam voltar. 3) Pai e mãe dividem responsabilidades com guarda compartilhada Pai para um lado, mãe para o outro, e o filho, como fica? Em geral, quando os pais se separam, a criança fica com a mãe e só vê o pai de 15 em 15 dias. Mas não precisa ser assim. Uma lei, que passou a valer recentemente, mostra uma outra forma de lidar com filhos de pais separados que alguns ex-casais já usam: a responsabilidade sobre o filho não tem que ser só da mãe. O nome é complicado, “guarda compartilhada”, mas é fácil de entender: é que o pai também pode estar mais pertinho do dia a dia do filho, em vez de só levá-lo para passear e brincar no fim de semana. Os irmãos Vinícius Mendonça Costa, 9, e Otávio, 6, passam parte da semana na casa da mãe, Ana Tereza Toni, e a outra parte, na casa do pai, Gilberto Costa. Quando é dia de estar com a mãe, surpresa! Quem vai buscar as crianças na escola é o pai, e vice-versa. Assim, diz Ana, “nos vemos todos os dias”. Vinícius gosta do esquema: “É bom ter duas casas, a gente tem tudo em dobro e mais amigos diferentes”. E se fosse para ver o pai só às vezes? “Eu iria ficar com saudade, querer saber como ele está. E ele também.”Mas Otávio prefere a casa da mãe. “Ele pergunta sempre se é dia de ir à casa dela”, entrega o irmão. Os pais de Amanda Marciano Rodrigues Paulino, 10, também são separados, mas ela não fica mudando de casa. Ela mora com a mãe em Goiânia (GO) e o pai dela vive em São Paulo. Mas, graças ao “kit” MSN, Skype e telefone, eles se falam todos os dias. “Meu pai não pode vir para cá direto, mas, assim, me ajuda nas lições, tira as minhas dúvidas. E divido as coisas da minha vida com os dois, porque eu não amo só um deles”, conta. LAGO, Paula. Pai e mãe dividem... Folha de S. Paulo, São Paulo, 9 ago. 2008. Folhinha. Fragmento. 4) No trecho “Quando é dia de estar com a mãe, surpresa! Quem vai buscar as crianças na escola é o pai, e vice-versa”, a expressão destacada significa que: (A) a mãe busca as crianças todos os dias na escola. (B) no dia de estar com o pai, a mãe busca as crianças na escola. (C) no dia de estar com o pai, o pai busca as crianças na escola. (D) o pai busca as crianças todos os dias na escola. 5) . De acordo com o trecho “graças ao ‘kit’ MSN, Skype e telefone, eles se falam todos os dias”, ficamos sabendo que pai e filha se falam: (A) pessoalmente e por computador todos os dias. (B) pessoalmente e por computador de vez em quadrinhos porque: (A) combina imagens e palavras para contar uma história. (B) emprega palavras pouco usad

jogo da forca

Imagem
Tente
adivinhar palavras relacionadas com a Matemática no Jogo
da Forca
:



Clique aqui

Avaliação de língua portuguesa para 4º ano fundamental

AVALIAÇÃO BIMESTRAL DE LÍNGUA PORTUGUESA

Como nasceu o Rio Amazonas A Lua apaixonou-se pelo Sol. E, apaixonada como estava, queria se casar com ele. Mas, se o casamento acontecesse, o Sol aqueceria tanto, tanto, que queimaria todas as coisas existentes, o mundo seria destruído e as lágrimas da Lua inundariam a Terra.Assim, eles não puderam se casar, e cada um foi para um lado. A Lua, muito triste, chorou um dia inteiro, e suas lágrimas correram pela terra, buscando o mar. Só que o mar não recebeu as lágrimas da Lua, e elas tiveram de voltar. Mas não conseguiram voltar para as montanhas donde tinham descido. Então elas desceram mais uma vez e foram se unindo numa imensa correnteza d’água, formando assim o caudaloso Rio Amazonas, todo enfeitado de vitórias-régias. PIAI, A. & Paccini, M. J. Viajando pelo folclore de Norte a Sul. São Paulo: Cortez, 2004.
1) O título do texto – Como nasceu o Rio Amazonas – revela ao leitor que se trata de um texto que aborda: (A) o amor entre a Lua e o Sol. (B) a dest…

Como trabalhar a leitura e a escrita por meio da valorização da cultura popular